O seu IP: Sem dados · O seu estado: ProtegidoDesprotegidoSem dados

O que é o Mesh Wi-Fi e quais as suas vantagens?

A tecnologia de Wi-Fi Mesh é uma inovação que proporciona uma maneira melhor de conectar os nossos dispositivos à internet. A redes mesh permitem expandir o tamanho da nossa rede sem comprometer a performance, adicionando novos pontos de acesso de forma fácil e rápida – mas sem que se confundam com os habituais extensores ou repetidores de sinal. Descubra aqui o conceito de Wi-Fi Mesh, as vantagens que oferece e as suas potenciais desvantagens.

O que é o Mesh Wi-Fi e quais as suas vantagens?

Como funciona o mesh Wi-Fi?

Uma rede mesh é um grupo de aparelhos geradores de conectividade, como routers Wi-Fi, que funcionam como uma rede única, de modo a que existam várias fontes de conectividade na sua casa em vez de um router único. A Google designa o primeiro dispositivo mesh da rede a ser configurado como router, e cada aparelho mesh extra como “ponto”.

Diferença entre um sistema mesh Wi-Fi e um router Wi-Fi tradicional

Qual é a diferença entre routers Wi-Fi mesh e outros routers Wi-Fi? Ao contrário de um router tradicional, que emite sinal a partir de um único aparelho, numa rede mesh o router emite sinal a partir de várias unidades, estrategicamente colocadas em vários pontos da sua casa.

Um sistema mesh Wi-Fi é melhor no sentido em que oferece velocidades mais altas que os extensores de Wi-Fi (também chamados de repetidores de sinal), porque o router mesh e os nós de satélite estão especialmente concebidos para criar uma rede única. Eles também cooperam para levar a conexão mais rápida a um telemóvel ou tablet, à medida que este se move ao longo da casa ou de um edifício.

Isto pode ser especialmente útil em escritórios de vários pisos, armazéns ou outros edifícios onde exista a necessidade de ter net em excelentes condições em vários pontos do edifício. Um fiel de armazém, por exemplo, não deve depender do ponto central ou escritório para aceder à net Wi-Fi, caso precise dela para gerir a logística do espaço.

Saiba o essencial sobre um sistema mesh Wi-Fi router

O princípio básico de um sistema mesh de Wi-Fi é que ele consiste num router principal conectado ao modem e um ou mais nós satélite colocados em diferentes áreas para alargar a cobertura da rede. Esses nós comunicam entre si, formando uma rede de malha (“mesh”) onde os dados podem saltar de um nó para outro, otimizando a intensidade do sinal e eliminando interferências.

Os routers mesh geralmente vêm com apps móveis de fácil utilização ou interfaces web que permitem configurar e gerir com facilidade. Geralmente oferecem recursos avançados, como direcionamento automático de banda, capacidade de autocorreção e roaming contínuo, garantindo que os dispositivos se ligam sempre ao ponto de acesso mais forte sem interrupções.

Benefícios do Wi-Fi mesh

A principal vantagem é a possibilidade de desfrutar da máxima velocidade da sua rede Wi-Fi em permanência, ao contrário do que acontece com um router, onde há um limite para amplificar o sinal. Se sofre de internet lenta, bloqueada por paredes ou pela insuficiência dos repetidores de sinal, esta será uma alternativa a considerar.

Em teoria, o alcance da rede também é ilimitado, desde que os pontos de acesso estejam ao alcance uns dos outros e que se possua tantos pontos quanto necessários. Não é necessário configurar pontos adicionais, basta ligá-los e utilizá-los.

Precisamente por essa razão, existem estudos urbanos para a implementação de redes Wi-Fi públicas utilizando a tecnologia mesh. Planificando a grelha de pontos de acesso, é relativamente fácil implementar uma rede mesh por toda uma cidade, com um mínimo de configuração necessário.

Outros benefícios do Wi-Fi mesh incluem:

  • maior estabilidade de conexão;
  • melhor cobertura em áreas de difícil alcance, e
  • a capacidade de adicionar novos nós à rede sem prejudicar o desempenho geral. É de salientar a facilidade de configuração e gestão.

Muitos sistemas de Wi-Fi mesh oferecem apps mobile ou interfaces web fáceis de usar que simplificam o processo de gestão. Basta ligar a aplicação e surgirão opções sobre as suas preferências; o programa fará tudo praticamente sozinho, sem que o utilizador precise de conhecimentos técnicos avançados em informática ou administração de redes.

Uma rede mesh Wi-Fi pode ser hackeada? Implemente medidas de segurança

Embora nenhum sistema seja completamente imune a hacking, as redes Wi-Fi mesh normalmente oferecem funcionalidades de segurança que as tornam mais seguras que as redes habituais baseadas num só router. Contudo, será sempre importante precaver-se e proteger a sua rede mesh Wi-Fi. Eis as principais dicas:

  • Atualize regularmente o firmware do seu sistema Wi-Fi mesh e de todos os dispositivos a ele ligados. Os fabricantes lançam atualizações com frequência para resolver vulnerabilidades de segurança, pelo que manter-se atualizado é crucial.
  • Estabeleça senhas fortes e não repetidas, tanto para a sua rede mesh Wi-Fi como para os aparelhos a ela conectados. Evite usar senhas comuns ou fáceis de adivinhar, como “123456” ou baseadas em datas de nascimento que um hacker poderá descobrir. Considere o uso de um gestor de passwords, como o NordPass, para gerar e armazenar senhas complexas.
  • Não se esqueça de mudar a senha de origem da sua rede Wi-Fi! As passwords de origem são mais vulneráveis. Consulte o nosso artigo, caso precise de ajuda para saber como mudar a senha do Wi-Fi.
  • Ative a encriptação WPA2 ou WPA3 na sua rede mesh Wi-Fi. Esses protocolos de encriptação fornecem uma conexão segura entre os seus dispositivos e a rede.
  • Crie uma rede separada para os visitantes. Ao manter os seus telemóveis ou portáteis separados da sua rede principal, impede o acesso aos seus dispositivos e dados e impossibilita a disseminação de malware (que os seus visitantes poderiam executar inadvertidamente e sem saberem, claro; bastaria que o seu dispositivo tivesse sido infetado por um hacker).
  • Ative a firewall incorporada no seu sistema mesh Wi-Fi ou considere usar um dispositivo dedicado. As firewalls ajudam a controlar o tráfego, tanto o que entra como o que sai, adicionando uma camada extra de proteção.
  • Desative as funcionalidades de gestão remota, a menos que sejam absolutamente necessárias, impedindo um eventual acesso não autorizado à sua rede por essa via.
  • Faça uma filtragem por endereço MAC, desde que o seu sistema mesh Wi-Fi suporta esta funcionalidade. Ao especificar que dispositivos estão autorizados a ligar-se à sua rede (com base nos seus endereços MAC exclusivos), impedirá que outros aparelhos, não autorizados, lhe venham a aceder.
  • Fique atento aos dispositivos conectados à sua rede Wi-Fi mesh. Verifique a lista de aparelhos na interface de administração do seu router e veja se houve acessos por telemóveis ou computadores desconhecidos ou suspeitos.
  • Se o seu sistema mesh Wi-Fi suportar, ative a autenticação de dois fatores (2FA). Esta funcionalidade implementa uma etapa adicional de verificação de identidade; geralmente é enviado um código para o seu dispositivo móvel, ao fazer login na interface de administração da rede. Se um estranho tentar fazê-lo, não só não terá acesso a esse código – que estará no seu telemóvel – como a receção do código dar-lhe-á sinal de que alguém tentou aceder.
  • Garanta a segurança física do seu sistema Wi-Fi mesh. Mantenha os dispositivos em locais seguros ou vigiados, para evitar que alguém não autorizado lhes mexa.
  • Use uma VPN. A utilização de uma rede privada virtual (Virtual Private Network) coloca um escudo de encriptação sobre todo o tráfego que sai e entra da sua rede, tornando-o praticamente indecifrável para quem estiver de fora. A NordVPN vem também com a funcionalidade de Proteção Contra Ameaças, que bloqueia anúncios repetitivos e potencialmente disseminadores de malware, impede o utilizador de aceder a sites perigosos por engano e analisa anexos de e-mails, bloqueando-os se os considerar perigosos ou maliciosos.
  • Ao implementar estas medidas de segurança, é possível reduzir significativamente o risco de a sua rede Wi-Fi mesh (ou outra, pois não são exclusivas para sistemas mesh!) ser hackeada. No entanto, é importante manter-se informado sobre as práticas de segurança mais recentes e seguir as recomendações do fabricante do seu sistema Wi-Fi mesh específico.

A segurança online começa com um clique.

Fique em segurança com a principal VPN do mundo

Será que precisa de um router mesh?

As redes Wi-Fi mesh são particularmente benéficas nos seguintes cenários ou necessidades:

  • Casas ou edifícios grandes. Configurações tradicionais com um único router podem ter dificuldade em fornecer cobertura consistente em toda uma casa ou edifício grande devido a barreiras físicas como paredes ou vários pisos. Imagine que quer estabelecer um escritório de trabalho no sótão, na cave ou num anexo; é provável que o Wi-Fi doméstico não chegue lá. Uma rede mesh pode estender o sinal Wi-Fi e garantir conectividade confiável em todos os cantos.
  • Múltiplos dispositivos e utilizadores. Em residências ou escritórios com numerosos dispositivos conectados e muitos utilizadores em simultâneo, uma rede Wi-Fi mesh pode lidar de forma mais eficiente com o aumento de tráfego. Ela distribui a carga entre vários nós, reduzindo a congestão e assegurando um melhor desempenho.
  • Zonas mortas de Wi-Fi. Imagine que a sua casa até nem é muito grande; ainda assim poderão existir certas zonas onde o sinal Wi-Fi é fraco ou inexistente (comumente conhecidas como “zonas mortas”). Uma rede mesh pode ajudar a eliminar essas lacunas colocando nós adicionais estrategicamente para estender a cobertura.
  • Escalabilidade. As redes Wi-Fi mesh são facilmente escaláveis. Adicione mais nós à rede conforme necessário, expandindo a cobertura sem comprometer a performance. Esta flexibilidade torna estas redes adequadas para empresas em crescimento.
  • Roaming contínuo: Com uma rede mesh, os dispositivos podem deslocar-se perfeitamente entre nós sem sofrer interrupções ou precisar de trocas manuais (ir às definições, procurar o outro repetidor de sinal, etc.). Isso é especialmente útil para atividades como videochamadas ou streaming, onde uma conexão estável é crucial.
  • Redundância e confiabilidade: As redes mesh oferecem capacidades de autorrecuperação, o que significa que se um nó falhar ou encontrar um problema, a rede pode redirecionar o tráfego por caminhos alternativos. Essa redundância melhora a fiabilidade e o tempo de atividade da rede Wi-Fi.
  • Integração com Casa Inteligente: Para residências com dispositivos inteligentes, como câmaras de segurança, termóstatos ou assistentes de voz, uma rede Wi-Fi mesh oferece conectividade robusta, garantindo comunicação e controle confiáveis entre os dispositivos. Uma rede de Internet das Coisas (IoC) também funciona consideravelmente melhor em ambiente mesh.
  • Em suma, uma rede Wi-Fi mesh é uma escolha adequada quando é necessária uma performance à prova de interrupções, uma cobertura de rede alargada (em diferente pisos, divisões ou capaz de chegar a anexos), conectividade contínua e escalabilidade para um número de aparelhos e utilizadores grande ou, pelo menos, variável.

Quais as principais desvantagens do mesh Wi-Fi?

A principal desvantagem de um sistema mesh Wi-Fi é o facto de ser necessário manter os routers ligados a tomadas das diversas divisões onde a rede vai funcionar. Se numa empresa isto poderá não ser problemático, em casa pode ser mais difícil. Se vive num apartamento ou numa casa antiga com poucas tomadas, pode não se justificar o esforço. Também pode parecer um pouco estranho ter todo um conjunto de routers Wi-Fi espalhados ao longo da sua casa.

Além disso, o preço de um sistema mesh Wi-Fi também se torna uma desvantagem. A tecnologia é pouco conhecida e tende, nos casos em que é procurada, a sê-lo por empresas ou organizações dispostas a investir um pouco mais em cibersegurança. Para uso doméstico, trata-se de um investimento que, mesmo assumindo que a sua casa está adaptada com as tomadas necessárias, menos provável.


Valorizamos a sua privacidade

Este site utiliza cookies para que tenha uma experiência mais segura e personalizada. Ao aceitar, concorda com a utilização de cookies para anúncios e análises, de acordo com a nossa Política de cookies.