O seu IP: Unknown · O seu estado: Desprotegido Protegido
cadeado

Segurança

O VPN redireciona a sua ligação à Internet através de um servidor remoto operado por um fornecedor de VPN, ou seja, o servidor funciona como uma plataforma de lançamento segura para poder aceder a vários sites.

pasta

VPN empresarial vs. pessoal

A definição de VPN também inclui a solução para empresas, que permite que os colaboradores acedam de forma segura à rede da sua empresa enquanto estão fora do escritório. Contudo, nós concentramo-nos nos serviços comerciais de VPN destinados a uma utilização individual.

O que faz uma VPN?

Normalmente, quando tenta aceder a um site na Internet, o seu ISP (fornecedor de serviços de internet, do inglês Internet Service Provider), recebe o pedido e redireciona-o para o seu destino. À medida que o seu tráfego de Internet passa pelo seu ISP, eles conseguem ver tudo o que faz online. Além disso, podem monitorizar o seu comportamento e por vezes até entregar o seu histórico de navegação a anunciantes, a agências governamentais e a outros terceiros.

É aqui que entra o VPN. O VPN redireciona o seu tráfego de Internet através de um servidor VPN especialmente configurado, escondendo o seu endereço IP e encriptando todos os dados enviados ou recebidos. Os dados encriptados são, basicamente, incompreensíveis para qualquer pessoa que os intercete, o que os torna impossíveis de ler.

portátil mac e ícone de iphone

Ligação à Internet Segura

Considere uma rede Wi-Fi pública, talvez numa cafetaria ou num aeroporto. Normalmente, iria ligar-se a essa rede sem pensar duas vezes, mas sabe quem poderá estar a vigiar os dados de tráfego da rede? Será que pode confiar que o ponto de acesso Wi-Fi é legítimo, ou será que é controlado por um criminoso com interesse nos seus dados pessoais? Pense nas palavras passe, dados bancários, números de cartões de crédito, e toda e qualquer informação privada que envia sempre que está online.

Com o VPN ativo, todos os dados que envia e recebe viajam através de um túnel encriptado para que ninguém possa ter acesso às suas informações privadas. Isto significa que mesmo que um cibercriminoso consiga, de alguma forma, intercetar os seus dados, não poderá decifrá-los.

foto de arquivo de smartphone

Privacidade online completa

Sem uma VPN, a sua ligação está totalmente aberta. O seu ISP, a sua entidade empregadora, o router Wi-Fi da referida cafetaria, qualquer servidor na mesma zona de alcance, ou uma pessoa com as ferramentas certas, podem ver os seus dados, gravá-los e utilizá-los de formas que você não consegue controlar. As agências governamentais podem controlar a sua atividade online e partilhar os metadados entre si, incluindo através das fronteiras entre países, através de agências de informação como a «14 Eyes». Com base no seu endereço IP, que depende da sua localização geográfica, os sites e serviços de terceiros podem cobrar preços diferentes ou apresentar publicidade invasiva direcionada.

Com uma VPN, pode ficar descansado, sabendo que os seus dados estão encriptados e o seu endereço IP está protegido. O seu ISP já não conseguirá ver os sites que visita porque toda a sua atividade é redirecionada pelo servidor VPN. Em resultado disto, o fornecedor de serviços de Internet não pode recolher os seus metadados nem guardar o seu histórico de navegação.

imagens de filmes

Acesso seguro a conteúdos

Vários países do mundo restringem o acesso a um ou outro tipo de conteúdos online. Redes sociais, jogos, aplicações de chat – nem o Google é imune à censura. Além disso, por diversos motivos, muitas instituições académicas e locais de trabalho ativam firewalls para limitar o acesso a sites. Estes motivos vão desde tentar aumentar a produtividade até restringir conteúdo inapropriado.

Os sites e serviços são bloqueados, negando aos utilizadores o acesso com base no seu endereço IP. Ao ligar-se à Internet, o seu IP mostra o país em que se encontra, o que significa que quaisquer restrições válidas nesse país, também se aplicam a si.

Se utilizar uma VPN poderá ligar-se a servidores VPN remotos, fazendo parecer que o seu endereço IP está fisicamente localizado noutro lugar. Esta troca de IP ajuda-o a aceder a sites com acesso restrito e mantém simultaneamente as suas informações privadas em segurança

Porque preciso de uma VPN?

Apesar de a resposta a esta questão poder ser incrivelmente complexa, os principais motivos para precisar de uma VPN são a segurança e a privacidade. Deve considerar seriamente a utilização de uma VPN se:

mulher sentada numa estação de comboios

Utiliza regularmente redes Wi-Fi de acesso público

Se utilizar uma rede Wi-Fi pública, mesmo uma protegida com palavra passe, uma VPN é a sua melhor amiga. Os pontos públicos de acesso Wi-Fi podem estar pejados de perigos. Desde os ataques “man-in-the-middle” ao “sniffing” de redes Wi-Fi, há muitos métodos diferentes de pirataria que os intrusos utilizam para intercetar o seu tráfego de Internet e roubar as suas palavras passe bancárias ou de redes sociais, ficheiros e fotografias.

A boa notícia é que uma VPN permite-lhe verificar as suas contas de e-mail e redes sociais, realizar transações bancárias e fazer compras sem se preocupar com o pesadelo da perda de dados ou do roubo de identidade.

portátil acer chromebook

Viaja muito

Se viajar para outro país, uma VPN pode ajudá-lo a aceder a serviços que podem não estar disponíveis nesse país, como por exemplo, na China, onde o governo bloqueia sites como o Facebook. Mesmo que apenas atravesse a fronteira para um país vizinho, é provável que perca o acesso a algum conteúdo de streaming que tenha subscrito.

Não poder desfrutar de algo que pagou é frustrante e é aqui que uma VPN pode ajudar. A VPN altera o seu endereço IP, fazendo com que pareça estar a navegar a partir de um local diferente. Na verdade, se se ligar a um servidor VPN no seu país de origem, será capaz de aceder de forma segura a todo o conteúdo da sua preferência.

cão deitado

Quer proteger a sua navegação de terceiros

Mesmo se utilizar a Internet no conforto da sua própria casa, utilizar uma VPN é uma excelente ideia. Por exemplo, pode querer comprar online um presente para o seu sobrinho sem ser bombardeado com anúncios sobre camiões de brincar nos seis meses seguintes. Ou talvez queira fazer uma pesquisa rápida sobre clínicas médicas sem chamar a atenção do seu empregador. Se reside nos EUA, bastará saber que o seu ISP não poderá vender todo o seu histórico de navegação ao melhor licitante.

Uma VPN encripta o seu tráfego de Internet e substitui o seu endereço IP, tornando extremamente difícil associá-lo a si. Evita a formação de um rasto na internet associado a si, que poderia ser seguido pelo seu ISP e por outros intrusos.

cctv

Quer evitar a vigilância do governo

E depois temos a vigilância generalizada por parte de governos locais e estrangeiros. Desde as revelações de Snowden e dos relatórios que se seguiram nos anos subsequentes, sabemos que a estrutura de vigilância mundial é vasta, não apenas em âmbito como em alcance. Embora seja ilegal a polícia proceder a buscas em sua casa sem um mandato judicial, a sua atividade de navegação, mensagens, conteúdo das redes sociais e outras informações online podem ser monitorizadas, retidas e partilhadas entre várias agências governamentais, incluindo em países estrangeiros.

Utilizar um serviço de VPN confiável sem registos oferece um grau elevado de privacidade, protegendo-o não só do controlo dos fornecedores de serviços de Internet, como também da vigilância governamental indiscriminada.

portátil caneca bloco de notas

É um jornalista ou ativista político

Alguns países não têm as mesmas proteções relativamente à liberdade de imprensa, opinião e expressão que os países mais democráticos. Na verdade, alguns regimes recorrem a medidas opressivas para monitorizar e agir contra todos aqueles que consideram ameaças ao governo. As pessoas que se atrevem a enfrentar o governo têm de tomar medidas de precaução adicionais para proteger as suas comunicações. Os jornalistas e os investigadores também enviam mensagens que contêm dados que algumas pessoas podem tentar intercetar a todo o custo.

Utilizar uma VPN proporciona segurança adicional para essas mensagens confidenciais e faz parecer que estas são recebidas ou enviadas a partir de outro local. Isto pode ser uma grande ajuda para salvaguardar a segurança física pessoal ou proteger as fontes de informação.

rapariga com portátil

Você utiliza serviços de partilha de ficheiros

O P2P (Peer-to-Peer) é um dos métodos mais eficazes de partilha de grandes conjuntos de dados numa rede; é excelente para distribuir software de código aberto, dados empresariais e científicos ou vídeos do domínio público.

No entanto, apesar destas finalidades perfeitamente legítimas, muitos fornecedores de serviços de Internet (ISP), tentam frequentemente desencorajar os utilizadores de Internet da partilha de ficheiros P2P. Fazem isto controlando o acesso a sites de partilhas de ficheiros ou definindo limites de largura de banda que diminuem significativamente as velocidades de ligação à Internet.

Uma VPN torna muito mais difícil ao seu ISP detetar que está a partilhar ficheiros, ajustando a sua ligação à Internet de acordo com esse facto. A VPN encripta as transferências e carregamentos de ficheiros, e o seu endereço IP real para que se torne impossível de identificar.

Como funciona uma VPN?

Normalmente, quando acede à Internet, primeiro liga-se ao seu ISP, que depois o redireciona para quaisquer sites (ou outros recursos online) que deseja visitar. Todo o seu tráfego de Internet passa pelos servidores do seu ISP e pode ser visto e gravado pelo seu ISP.

como funciona a VPN

Uma VPN cria um «túnel» encriptado na Internet para proteger os dados que são transmitidos entre si e o seu destino na Internet — qualquer coisa desde a sua conta de serviços bancários online, a um site de partilha de vídeos, até a um motor de busca.

Este túnel é criado, em primeiro lugar, através da autenticação do seu cliente — um computador, smartphone ou tablet — com um servidor VPN. Em seguida, o servidor utiliza um dos vários protocolos de encriptação para garantir que ninguém pode monitorizar a informação transmitida entre si e o seu destino online.

Neste ponto, deve lembrar-se que antes de quaisquer dados serem enviados e recebidos através da Internet, estes devem primeiro ser divididos em pacotes. Para garantir que cada pacote de dados permanece protegido, a VPN envolve-o num pacote exterior, que depois é encriptado através de um processo chamado encapsulamento. Este pacote exterior mantém os dados seguros durante a transferência e é o elemento principal do túnel VPN. Quando os dados chegam ao servidor VPN, o pacote exterior é removido para aceder aos dados do interior, o que requer um processo de desencriptação.

Basicamente, aceder à Internet através de um túnel VPN é como colocar uma embalagem numa caixa e enviá-la a outra pessoa. Ninguém pode ver o que está na caixa até esta ser aberta ou, neste caso, desencriptada.

Outro aspeto a ter em conta: Ao utilizar uma VPN, os seus pacotes chegam à Internet com outro endereço IP, fornecido pelo seu fornecedor de VPN. Assim, se pretender continuar a ligar-se a diferentes servidores de VPN, de cada vez que o fizer, a Internet irá vê-lo como uma pessoa diferente. Se se ligar a um servidor noutro país, aparecerá como se estivesse a navegar a partir desse país.

Protocolos de encriptação VPN

Um protocolo VPN é um conjunto de padrões de encriptação e protocolos de transmissão utilizado para criar uma ligação segura e encriptada entre dois dispositivos. Normalmente, os serviços de VPN comerciais suportam vários protocolos. Estes são os mais significativos:


Como obter e usar uma VPN?

Apesar de cada vez mais utilizadores da Internet estarem a aderir à tendência da VPN, muitas pessoas ainda acreditam que utilizar um serviço de VPN é algo extremamente complexo. Embora seja verdade que algumas ferramentas de segurança digital podem ser confusas, os líderes em prestação de serviços VPN desenvolvem as suas aplicações para serem intuitivas e fáceis de utilizar.

Por exemplo, com o NordVPN, pode ligar-se com apenas um clique. Assim que cria a sua conta NordVPN e transfere uma aplicação para o seu dispositivo, tudo o que tem de fazer é:

get-vpn-open-app

1. Abrir o NordVPN

Executar a aplicação NordVPN que transferiu para o seu PC, Mac ou smartphone.

get-vpn-open-app

2. Entrar

Utilizar os mesmos dados de entrada que utilizou no registo do serviço NordVPN.

get-vpn-open-app

3. Ligar

Clique no botão Quick Connect, que irá selecionar automaticamente o servidor mais adequado para si.

E já está – agora a sua ligação à Internet está totalmente encriptada! Para ter um maior controlo sobre a sua experiência com a VPN, pode explorar o mapa/lista de servidores e a secção Definições.


Principais características do NordVPN

parceria comercial

Encriptação de nível militar

O NordVPN protege o seu tráfego de Internet com tecnologias de segurança avançadas, garantindo uma encriptação forte e confiável entre o seu dispositivo e um servidor VPN. Por predefinição, as aplicações NordVPN utilizam os protocolos OpenVPN e IKEv2/IPSec para garantir a máxima proteção dos seus dados confidenciais.

Política rigorosa de zero registos

Política rigorosa de zero registos

O NordVPN não está sediado nas jurisdições da UE, nem dos EUA e não é obrigado a recolher os seus dados e informações pessoais. Isto significa que nada é registado, controlado, armazenado, documentado ou passado a terceiros. Não podemos fornecer quaisquer detalhes da sua atividade na Internet, mesmo que seja você a solicitá-los. Porquê? Porque não teremos nada para apresentar.

CyberSec

CyberSec

A funcionalidade CyberSec bloqueia automaticamente sites suspeitos para que nenhum malware ou outras ameaças informáticas possam infetar o seu dispositivo. Também impede o seu dispositivo de participar em ataques DdoS, mesmo que já tenha sido infetado por malware. Além disso, o CyberSec impede que sejam carregados anúncios online invasivos e que estes tornem o seu navegador mais lento.

Double VPN

Double VPN

Se precisar de um nível elevado extra de segurança e privacidade, utilize o Double VPN para encriptar o seu tráfego na Internet, não uma, mas duas vezes. Isto é especialmente importante para jornalistas, ativistas políticos e bloggers que trabalham e vivem em países com regimes autoritários, com elevados níveis de censura e vigilância na Internet.

streaming

Streaming seguro

O NordVPN oferece mais de 4518 servidores ultra rápidos em 4518 países, para poder desfrutar da sua experiência de streaming em qualquer dispositivo, em qualquer momento e em qualquer lugar. Com o NordVPN não tem de escolher entre entretenimento e segurança online – pode ter ambos ao mesmo tempo.

Várias plataformas e dispositivos

Várias plataformas e dispositivos

Com uma única conta NordVPN pode proteger até 6 dispositivos em simultâneo sem ter de comprometer a segurança e a privacidade de um dispositivo em detrimento de outro. Além disso, o NordVPN oferece aplicações intuitivas e fáceis de usar para Windows, macOS, Android e iOS. Até pode instalar o NordVPN no router da sua casa!

Está pronto para aproveitar a oferta limitada?

Desfrute de 3 anos de streaming seguro por apenas $99!

Plano de 1 mês

$

11.95

/mês

Plano de 1 anos

$

5.75

/mês