Your IP: Unknown · Your Status: Unprotected Protected

Blog How-To

As 7 utilidades mais interessantes de uma VPN

Feb 25, 2019 · 8 min read

As 7 utilidades mais interessantes de uma VPN

As VPNs são ferramentas confiáveis e bastante conhecidas, usadas para proteger a privacidade do usuário ao navegar na internet. Mas se você acha que essa é a única utilidade desses serviços, você está enganado. Seja para conseguir passagens aéreas mais baratas ou fazer streaming da sua série favorita, há inúmeras situações cotidianas para se utilizar uma VPN e conseguir benefícios reais.

Para que serve uma VPN?

Ela roteia seu tráfego de internet para um servidor VPN remoto e esconde seu endereço de IP atual. Isso significa que ninguém (nem mesmo o seu provedor de internet) pode ver o que você está fazendo e onde está navegando. A única coisa visível para qualquer um que tente monitorar suas atividades será o fato de você usar uma VPN, e o endereço do servidor VPN ao qual você está conectado.

Além disso, todos os dados enviados e recebidos são fortemente criptografados, e por isso mesmo que alguém consiga interceptar sua conexão, não vai conseguir ler os dados. Essa camada extra de segurança faz do VPN uma ferramenta confiável para proteger suas atividades online, além de proporcionar acesso a conteúdos com restrições geográficas, evitar limitação da largura de banda da sua conexão e um monte de outras coisas incríveis que você provavelmente não imaginava ser capaz de fazer. Vamos dar uma olhada nas principais coisas que você poderá fazer com um VPN:

7 maneiras legais de usar a sua VPN

1. Evitar limites de largura de banda

Você consegue imaginar algo mais irritante do que aquelas pausas repetitivas enquanto você assiste a um vídeo divertido no Youtube ou a sua série favorita? Infelizmente, limitação de largura de banda pode acontecer com qualquer pessoa que tente acessar serviços de streaming, plataformas de compartilhamento de arquivos e sites de games online. Se alguém é culpado, esse alguém é o seu provedor de internet.

A limitação de largura de banda ocorre quando seu provedor de internet está sobrecarregado e tenta regular o tráfego da rede, e isso tem um impacto direto na velocidade com a qual você carrega seus dados e faz downloads de conteúdos online.

Um provedor de VPN o ajuda a evitar essa limitação de largura de banda e baixas velocidades de conexão.

Mulher aproveitando seu streaming de conteúdo

A VPN criptografa seu tráfego na internet para que, assim, seu provedor de internet não possa mais visualizá-lo. Se não podem visualizar seu tráfego de dados, eles não poderão controlá-lo, certo? Agora que o segredo foi relevado, a solução é simples: abra seu aplicativo VPN, escolha um servidor e aproveite sua conexão com a internet sem restrições de velocidade por parte do seu provedor.

2. Acessar seus sites favoritos quando estiver viajando

Vamos direto ao ponto – um provedor de VPN o ajuda a acessar sites e serviços que podem ser bloqueados fora do seu país ou região. Mas por qual motivo eles são bloqueados?

Na verdade, há muitas razões para se ter problemas ao acessar os mesmos sites de streaming que você se acostumou a usar em casa, não conseguir acessar sua conta do Facebook ou mesmo perder acesso ao seu internet banking e não conseguir pagar suas contas quando estiver viajando. Em grande parte, isso depende do lugar em que você está no momento.

Turista utilizando seu laptop na praia

Você pode se surpreender ao saber quantos países ao redor do mundo são conhecidos por aplicar censura e restrições. Então, se você acabar viajando pra qualquer um desses países, é muito provável que você não vá conseguir acessar sites populares de redes sociais, como Facebook e Twitter, além de serviços de streaming online e outros sites que são normalmente permitidos em seu país.

Se esse não for o caso, então o conteúdo que você estiver tentando acessar pode ser bloqueado por conta de acordos de direitos autorais que são definidos nacionalmente. Para falar de modo simples, você não conseguirá usar o serviço pelo qual está pagando porque, enquanto estiver de férias ou numa viagem de negócios, você poderá enfrentar restrições legais por causa dessas questões autorais.

Um provedor de VPN o ajuda a burlar de forma segura essas restrições de conteúdo e censura, permitindo mudar virtualmente sua localização. Se, por exemplo, você estiver viajando ao redor do mundo, mas não quer perder seu episódio do programa de TV sobre o qual todo mundo está comentando, é só escolher um servidor localizado no seu país de origem. Dessa forma, você conseguirá acessar os serviços e conteúdos disponíveis na região selecionada.

3. Economizar dinheiro com passagens aéreas, hotéis e aluguel de carros

Você sabia que um provedor de VPN pode ajudá-lo a viajar gastando menos? Basta fazer suas cotações de passagens e hotéis no exterior.

Você provavelmente sabe que excluir os cookies do seu navegador ou, ainda melhor, navegar em modo oculto pode ajudá-lo a evitar tarifas aéreas mais caras baseado em suas pesquisas. Porém, esse método geralmente não é suficiente, porque os preços podem variar de país pra país.

Assim, o truque para economizar dinheiro é fazer com que você pareça estar navegando numa conexão de um país no qual os preços são mais baratos. Já que seu endereço de IP revela precisamente sua localização geográfica, o que você precisa fazer é simular que está em outro local. Isso pode ser feito com facilidade usando uma VPN. Quando você se conectar a um servidor VPN, seu IP será substituído por outro endereço de IP da região que você selecionar.

Se, por exemplo, a passagem aérea para o local que você quer visitar estiver mais barata em um site francês ao invés de um brasileiro, é só escolher um servidor localizado na França. É só isso – o site vai pensar que você está navegando da França, enquanto planeja confortavelmente suas férias na sua casa, no Brasil.

4. Fazer downloads e uploads com segurança

O compartilhamento de arquivos P2P (Peer-to-Peer, “Pessoa para Pessoa”, em inglês) é algo excelente por uma série de motivos, como a distribuição de software open-source, vídeos de domínio público ou a simples troca de imensas quantidades de informação em rede. Entretanto, muitos provedores de internet não ficam nada animados ao saber que seus clientes aproveitam essas atividades de P2P, o que resulta em velocidades de conexão muito mais lentas, limitações de largura de banda ou até mesmo restrições de acesso a sites de compartilhamento de arquivos.

Mas o seu provedor de internet pode não ser o único vilão dessa história. O problema é que todos os usuários participando de uma mesma rede podem visualizar o endereço de IP uns dos outros. Isso poderia impor uma séria ameaça à sua segurança, abrindo portas para criminosos cibernéticos. Definitivamente, você não vai querer isso.

Homem trabalhando em casa

Mas nós temos boas notícias: com uma conexão VPN ativa, você poderá usar serviços P2P sem que seu provedor de internet reduza a velocidade da sua conexão e, ao mesmo tempo, manter sua segurança. Com uma VPN, seu IP fica escondido e todo o seu tráfego de internet é criptografado para que ninguém consiga visualizar ou interceptar esses dados.

5. Não precisar se preocupar com a segurança de redes públicas de Wi-Fi

Quantas vezes você já ouviu e ignorou o seguinte aviso: “pense duas vezes antes de usar uma rede pública de Wi-Fi”? Bem, quer saber de uma coisa? Com uma VPN protegendo seu tráfego de internet, você pode se conectar a redes públicas de Wi-Fi sem medo algum, e não importa se essa rede esteja em um hotel, metrô, aeroporto ou no seu café favorito.

Mulher turista navegando na internet pelo wifi de um shopping center

É verdade que as redes públicas de Wi-Fi são, muitas vezes, inseguras ou indevidamente protegidas – muitas vezes, elas não oferecem nenhuma proteção mesmo. Então, basicamente, até mesmo um hacker iniciante poderia interceptar uma conexão de Wi-Fi desprotegida usando uma técnica simples e bastante conhecida como a do “Evil Wi-Fi Twin Hotspot”. O risco é ainda maior se você tiver comportamentos de risco, como fazer compras online, conferir seus e-mails, realizar transações bancárias, etc.

Portanto, para manter sua segurança, você vai precisar de um provedor de VPN confiável. Suas conexões criptografadas vão assegurar que seus dados fiquem seguros, e mesmo que um hacker consiga interceptá-los, eles não conseguirão utilizar essas informações.

6. Evitar discriminação de preços ao fazer compras online

Então você sai do avião e vai direto para o Starbucks mais próximo para comprar aquele tão sonhado copo de café. Imagine que, no balcão, você descobre que pagou uma taxa de cinco reais, enquanto o cara na sua frente só pagou quatro reais pelo mesmo café, só porque ele vive ali. Isso parece injusto? Mesmo que seja, é algo que acontece o tempo todo no mundo online.

Muitas lojas virtuais exibem preços diferentes para os mesmos produtos, baseados na localização do usuário que acessa esses sites. Então, por exemplo, o preço da mesma bolsa pode ser mais barato em um endereço de IP americano do que e um endereço de IP brasileiro.

Mas como eles conseguem ter esse tipo de informação? Mais uma vez, por meio do seu endereço IP. Ele revela o local em que você se encontra, dando a liberdade para a loja decidir quais resultados de pesquisa e quais preços serão exibidos para você.

Mulher contente comprando online

Portanto, se você for comprar aqueles sapatos incríveis numa loja online ou adquirir aquele livro de ficção científica, espere só um momentinho. Primeiro, exclua os cookies do seu navegador. Isso fará com que esses sites se esqueçam que você já os visitou antes. Depois, ative seu aplicativo VPN e escolha o país para onde seu IP deve ser realocado. Tente alternar entre diferentes localizações para ver se os preços mudam.

7. Manter a privacidade e a segurança das suas conversas

Não importa se você faz uma ligação para a sua mãe ou organiza uma teleconferência com seus sócios – o fato é que alguém pode estar ouvindo secretamente suas conversas particulares, e isso não é nada bom.

Mesmo que os serviços VoIP estejam cada vez mais seguros e difíceis de se violar, infelizmente, ninguém pode dizer que está 100% seguro. Na verdade, a maior parte desses serviços pode ser facilmente atacada.

Além disso, serviços como Skype são muitas vezes bloqueados em países com forte censura; assim, combinar um VoIP com uma VPN é uma ótima dica, especialmente se você estiver viajando ou morando temporariamente no exterior.

Homem navegando na internet com wifi publico de um café

Um provedor de VPN não só o ajuda a burlar esses bloqueios e se comunicar com seus amigos e sua família de qualquer parte do mundo, como também protege seu tráfego de internet com uma forte criptografia, evitando que pessoas mal-intencionadas monitorem suas atividades.

Então não perca tempo e adquira uma VPN

Depois de conferir essas dicas, você provavelmente mudou de opinião sobre as VPNs e quer usufruir de seus benefícios. As VPNs não são usadas apenas para proteger a privacidade dos usuários, mas também para ajudar a burlar censura e restrições geográficas, conseguir aproveitar melhor os serviços online e economizar ainda mais dinheiro.

Então, se você ainda não possui um aplicativo VPN, esse é o momento perfeito para adquirir um. A NordVPN protege suas comunicações com protocolos de criptografia militar e, além disso, não coleta seus dados e não mantém registros das suas atividades. Isso significa que o que você faz online não interessa a ninguém além de você. Adquira agora mesmo a NordVPN para o seu iPhone, Android ou desktop.


Daniel Markuson
Daniel Markuson successVerified author

Daniel is a digital privacy enthusiast and an internet security expert. As the blog editor at NordVPN, Daniel is generous with spreading news, stories, and tips through the power of a well-written word.


Subscribe to NordVPN blog